Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho 10, 2016

Literatura | Conto | Uma mulher marcada pelo passado.

Maria vivia na cidade de alegria da manhã, interior do estado de bom será. Ela morava praticamente nas ruas da cidade. Quase ninguém sabia da vida de Maria. Ela andava pelas ruas recolhendo as latinhas de refrigerante. Sebastião era a única pessoa que sabia da vida da mulher. Ele trabalhava de gari na cidade, sempre conversava com Maria que pouco falava de sua vida. Sebastião sabia que ela vivia sozinha, não tinha família. Quando eles conversavam, ela se referia a alguém de seu passado com saudades e dizia ao amigo que um dia iria ao encontro desta pessoa. Maria tem sua casa e suas coisas, mas gostava mesmo é de ficar nas portas dos botecos da cidade, onde tomava uma pinga com os homens que por ali passam. Um dia depois de recolher as latas e levar em casa, a mulher volta e traz consigo, uma tigela de carne de porco misturada com farinha de mandioca. Quando ela chega com a carne que está com um cheiro muito bom, os homens começam a dizer que ela já pode casar-se, enfurecida ela de…