Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho 13, 2016

Literatura | Poesia | Criança levada.

Criança peralta já dizia a vovó Cuidado menino levado tenha dó.
Menino corre tropeça cai levanta e corre A mãe aflita grita meu Deus! Machucou!?
Onde foi parar esse menino que não o vejo Entre soluços ele responde com medo.
Mãe não me bata foi sem querer Eu tropecei ela o abraça e o beija.
Agradecida ela pensa Deus o abençoe Meu filho amado, mas muito, muito levado.
Antes do dia terminar ouve um barulho Olha desconfiada a criança brinca.
Olhar de criança terno verdadeiro Ele olha na mãe e mostra seu medo.
Meu filho mamãe te ama nada vai te acontecer Fica pertinho de mim vou sempre lhe proteger.
O tempo passa a criança cresce ganha autonomia A mãe sempre rezando e pensativa Deus proteja minha família.
Mãe dedicada e filho crescido agora homem Olhos nos olhos mãe e filho um abraço apertado.
Meu filho quanto tempo se passou desde aquele dia Seus olhinhos assustados me dizia socorro mãe sou criança.
Agora homem feito barba crescida cinturão na cintura Mas um coração e sorriso angelical da minha criança Que um di…