Pular para o conteúdo principal

Literatura | Contos | Uma pequena família e uma padaria.

Diante do pedido de seus pais Marcio desistiu de ir embora de casa morar sozinho ele estava decidido a ir morar em outra cidade e trabalhar, mas sua mãe estava de idade bem avançada e seu pai estava cuidando de tudo sozinho ele trabalhava na padaria que tinham e cuidava da mulher que vivia doente. Marcio depois de ouvir o pedido da mãe resolveu ficar e dar aulas particulares como já vinha fazendo, nas horas que não estava nas aulas ajudava seu Manoel na padaria a confeccionar os pães e bolos que faziam. Marta ainda fazia os doces que usavam nos recheios dos bolos, aos fins de semana eles buscavam as frutas e preparavam deixando a parte mais fácil para Marta. O tempo foi passando e a pequena família vivia unida no trabalho e nas horas vagas, Marcio já tinha seus 30 anos e ainda não tinha namorada estava pensando em ter um trabalho fixo para depois pensar nisto, mas seus pais insistiam em dizer que não se preocupasse que na hora certa a mulher ideal viria mandada por Deus ele acreditava pois eles eram um exemplo de pais e eram muito religiosos. Marta tinha umas sobrinhas que quando em vez passavam uns dias em sua casa, ela gostava assim de seu filho tinha gente jovem para distrair um pouco pois era muito caseiro quase não saia a noite e quando o fazia voltava cedo dizia se preocupar com os velhos como dizia. Uma das poucas amigas do rapaz disse a ele sabe eu acho que quem se casar com você terá sorte grande pois minha mãe me diz que quem quer um esposo perfeito veja como o namorado trata a mãe de acordo o tratamento será ideal. Eu tenho reparado como tem carinho e paciência com seus pais, e além de tudo você os respeita muito, isto é muito bom. Ele sorriu e disse Yolanda eu nunca pensei nisto e será que um dia encontrarei uma mulher que me ame, a moça sorriu e disse claro que sim você é lindo inteligente e tem uma padaria eles riram e continuaram a confeccionar os bolos ela estava o ajudando.

Marta propõe a sobrinha que namore Marcio.

Hermínia era jovem bela e muito gentil, mas não estava interessada no primo gostava de outro rapaz, mas diante de tanta insistência da tia resolveu a provocar o primo que no início não se importou mas depois aceitou as provocações e cedeu os caprichos da prima, Kliziane era irmã de Hermínia e ela sim estava interessada em namorar o primo mas não era por amor era apenas para tirar proveito enquanto estivesse ali na cidade. Depois que viu a irmã aos beijos com o moço ela tentou até tirar o primo da irmã e agora estava uma confusão armada. Marta achava a sobrinha mais nova meio abusada ao contrário da irmã. Os dias passaram e as duas irmãs disputando quem ganharia o amor de Marcio que se esquivou e não quis nenhuma, mas Yolanda sim queria mesmo namorar ele, e então sim o rapaz estava gostando da situação a amiga era linda inteligente e fazia bem seu tipo. Passaram uns meses e o namoro estava escondido de Marta e Manoel, eles perceberam uma mudança no comportamento do filho, ele andava feliz sorrindo muito e cantarolava pelos cantos, quem seria a felizarda que encantara seu filho esta era a pergunta presa na garganta dos Pais. Uma tarde enquanto a moça ajudava o filho nos bolos Manoel saiu para fazer comprar e Marta estava em seu quarto, de repente ela ouviu um barulho e como depois silenciou resolveu ir devagar observar quase teve um infarto ao pegar seu filho aos beijos com a amiga. Mas se conteve e nada disse voltando a seu quarto. Quando o marido chegou contou o que viu, o velho ficou tão feliz que começou a brincar com o filho nesse tempo a mãe disse estou feliz por você meu filho ele disse, mas porque mãe? Ela disse o que viu e assim o namoro veio à tona, agora namorava Yolanda oficialmente. Os pais da moça quiseram saber das intenções dele com a filha, claro que eram as melhores possíveis estavam se amando e pensavam em se unirem em matrimonio.

O casamento seria a curto prazo exigência dos pais de Yolanda.

O tempo estava correndo e a padaria vendendo pouco Marcio estava preocupado com o que ganhava não tinha como dar uma vida de conforto como a noiva merecia, mas seu pai disse calme filho tudo que é meu é seu, tenho algumas economias dos tempos bons e te darei todas elas, o rapaz sentindo que não poderia pegar as economias dos pais disse não pai faça o seguinte então, me deixe cuidar da padaria a minha maneira e eu te dou uma parte do lucro. Manoel aceitou. Yolanda começou a ajudar o noivo e rapidamente deu cara nova a padaria agora faziam lanches, serviam muitas variedades de doces, bolos, pães e alguns lanches especiais, além de servir uma feijoada aos fins de semana e um caldo as quartas-feiras, isto estava dando um bom lucro a padaria, e todos estavam gostando. Antes só vendiam bolos e pães, agora vendiam muitas variedades doces e salgadas. Depois de um ano da nova administração eles haviam conseguido um bom dinheiro que deu para mobiliar a casa onde viveriam e ainda deu um bom dinheiro a seus pais. O casamento foi realizado com sucesso e os recém-casados estavam muito felizes, os pais dele estavam orgulhosos do filho que nunca os abandonou e encontrou a mulher ideal mandada por Deus. Marcio e Yolanda trabalhavam unidos e continuavam respeitando Marta e Manoel como sempre. 

Texto de Luzia Couto. Direitos Autorais Reservados a autora. Proibida a cópia, colagem, reprodução de qualquer espécie ou divulgação de qualquer natureza, do todo ou parte dele sem autorização prévia e expressa da autora. Os Direitos estão assegurados nas Leis brasileiras e internacionais de proteção à propriedade intelectual e o desrespeito estará sujeito à aplicação das sanções penais cabíveis.
A petición de sus padres Marcio renunció a salir de casa para vivir solo estaba decidido a ir a vivir a otra ciudad y el trabajo, pero su madre era de edad muy avanzada, y su padre se hace cargo de todo solo trabajaba en la panadería que tenían y él se encargó de la mujer que vivía enfermo. Marcio después de escuchar la petición de la madre decidió quedarse y dar clases particulares, como lo hemos venido haciendo en las horas de clase no estaba en la ayudó a Manoel en la panadería para fabricar el pan y pasteles eran. Marta seguía siendo el dulce utilizado en rellenos para pasteles, los fines de semana que buscaban frutos y prepararon dejando la parte fácil de Marta. Pasó el tiempo y la pequeña familia vivido juntos en trabajo y tiempo libre, Marcio tenía sus 30 años y no tenía novia seguía pensando en tener un trabajo estable y luego pensar en ello, pero sus padres insistido en que dice que no se preocupe que el tiempo de la mujer ideal sería enviado por Dios porque él creía que eran un ejemplo de los padres y eran muy religiosos. Marta estuvo sobrinas cuando en lugar de pasar unos días en su casa, ella sólo le gusta su hijo tenía los jóvenes para distraer un poco porque era muy hogareño apenas bordear la noche y cuando lo hizo pronto volvió diciendo que preocuparse por el antiguo como diciendo . Uno de los pocos amigos del niño dijo que sabe Creo que cualquiera que se casa tendrá una gran suerte porque mi madre me dice que los que quieren un cónyuge perfecto ver cómo su novio es la madre según el tratamiento será ideal. Me he dado cuenta de que tienen el amor y la paciencia con sus padres, y sobre todo que respeta tanto, esto es muy bueno. Sonrió y dijo Yolanda Nunca pensé en ella y un día conocer a una mujer que me ama, la chica sonrió y dijo oh sí que eres muy inteligente y tiene una panadería que se rieron y continuaron coser los pasteles que estaba ayudando.

Marta propone sobrina citas Marcio.

Herminia era joven hermosa y muy amable, pero no estaba interesado en primo le gusta otro chico, pero antes de que tal insistencia tía decidió provocar al primo que al principio no le importa, pero más tarde aceptó las provocaciones y se entregó a los caprichos de material, era Kliziane hermana Herminia y sí que estaba interesado en salir con su primo, pero no fuera por el amor era sólo para aprovechar mientras estabas allí en la ciudad. Después vio a su hermana besándose con el chico que trató de tomar su hermana primo y ahora era una confusión armado. Marta encontró el más joven sobrina medio abusado a diferencia de la hermana. Pasaron los días y las dos hermanas que compiten por quién iba a ganar el amor de Marcio quien esquivó y no quiere ninguna, pero sí Yolanda quería salir con él, entonces sí el niño estaba disfrutando de la situación de su amiga era hermoso inteligente y bien hecha en su tipo. Pasaron unos meses y el cortejo se ocultan de Marta y Manoel, notaron un cambio en el comportamiento del niño, caminaba feliz sonriendo mucho y tarareó en las esquinas, que sería el afortunado que encantó a su hijo esta fue la pregunta pegado en el cuello de los padres. una tarde mientras ayudaba a su hijo en pasteles Manoel llegó a comprar y Martha estaba en su habitación, de repente se escuchó un ruido y cómo entonces silenciada decidió ir poco a poco ver casi le da un ataque al corazón a recuperar a su hijo besa a su amigo. Pero se contuvo y no dijo nada nuevo a su habitación. Cuando el marido dijo que vio que el viejo estaba tan feliz que empezó a jugar con su hijo en ese momento la madre dijo que yo estoy feliz por ti mi hijo, dijo, sino porque la madre? Dijo que vio y por lo tanto la datación se acercó, Yolanda ahora sale oficialmente. Los padres de la querían saber de sus intenciones con su hija, por supuesto que era el mejor posible amabas y se cree que se unen en matrimonio.

El matrimonio sería demandas a corto plazo de los padres Yolanda.

El tiempo se agotaba y la panadería que vende poco Marcio estaba preocupado por lo que ganaba no podía tener una vida de comodidad como la novia se merecía, pero su padre dijo calme hijo todo lo que es mío es tuyo, tengo algunas economías de los buenos tiempos y se voy a darles a todos ellos, el joven sintió que no podía conseguir las economías de los padres no hacen la siguiente padre dijo a continuación, dejar que me ocupe de la panadería mi camino y me voy a dar una parte de los beneficios. Manoel aceptada. Yolanda comenzó a ayudar a que el novio y rápidamente se dio una nueva cara a la panadería ya hecho aperitivos, sirve muchas variedades de dulces, pasteles, panes y algunos bocadillos especiales, además de servir feijoada los fines de semana y el caldo miércoles que era dando una buena panadería beneficio, y todo el mundo estaba disfrutando. pasteles y panes que anteriormente sólo se venden, ahora se venden muchas variedades dulces y salados. Después de un año de la nueva administración que habían logrado un buen dinero que tiene que amueblar la casa donde vivirían y aún dio un buen dinero a sus padres. El matrimonio se realizó con éxito y los recién casados ​​eran muy feliz, sus padres estaban orgullosos del hijo que nunca salió y encontró a la mujer ideal enviado por Dios. Marcio y Yolanda trabajaron juntos y dejar de respetar Marta y Manoel como siempre.



Luzia texto Couto. Los derechos de autor reservado al autor. La copia, el collage, reproducción o divulgación de cualquier tipo que sea, la total o parcial sin la autorización previa y expresa del autor. Derechos están garantizados en las leyes nacionales e internacionales de protección de la propiedad intelectual y la falta de respeto estarán sujetos a la aplicación de sanciones apropiadas.
On the request of his parents Marcio gave up leaving home to live alone he was determined to go and live in another city and work, but his mother was well advanced age and his father was taking care of everything alone he worked at the bakery they had and He took care of the woman who lived ill. Marcio after hearing the mother's request decided to stay and give private lessons as we have been doing in the hours was not in class helped her Manoel at the bakery to fabricate the bread and cakes were. Marta was still the candy used in fillings for cakes, on weekends they sought fruits and prepared leaving the easy part for Marta. Time passed and the little family lived together in work and leisure time, Marcio had his 30 years and had no girlfriend was still thinking about having a steady job and then think about it, but her parents insisted on saying not to worry that on time the ideal woman would sent by God because he believed they were an example of parents and were very religious. Marta had some nieces when instead spent a few days in her house, she just liked his son had young people to distract a little because it was very homey barely skirt the night and when he did soon returned saying to worry about the old as saying . One of the few friends of the boy said he knows I think anyone who marries you will have great luck because my mother tells me that those who want a perfect spouse see how her boyfriend is the mother according the treatment will be ideal. I have noticed as have love and patience with their parents, and most of all you respect so much, this is very good. He smiled and said Yolanda I never thought of it and will one day meet a woman who loves me, the girl smiled and said oh yeah you're pretty smart and has a bakery they laughed and continued to sew the cakes she was helping.

Marta proposes niece dating Marcio.

Herminia was young beautiful and very kind but was not interested in primo liked another boy, but before such insistence aunt decided to provoke the cousin who at first did not care but later accepted the provocations and gave the vagaries of material, Kliziane was sister Herminia and yes she was interested in dating her cousin but it was not for love was just to take advantage while you were there in the city. After he saw his sister kissing with the boy she tried to take her cousin sister and was now an armed confusion. Marta found the younger niece middle abused unlike sister. The days passed and the two sisters vying for who would win the love of Marcio who dodged and did not want any, but Yolanda yes wanted to date him, then yes the boy was enjoying the situation her friend was beautiful intelligent and well made its kind. They spent a few months and the courtship was hidden from Martha and Manoel, they noticed a change in the child's behavior, he walked happy smiling a lot and hummed in the corners, who would be the lucky one who charmed his son this was the question stuck in the neck of the parents. one afternoon while she helped her son in cakes Manoel came to buy and Martha was in her room, she suddenly heard a noise and how then silenced decided to go slowly watch almost had a heart attack to get his son kissing her friend. But he held back and did not say anything back to your room. When the husband arrived said he saw the old man was so happy he started playing with his son at that time the mother said I'm happy for you my son he said but because mother? She said she saw and thus the dating came up, Yolanda now officially dating. The girl's parents wanted to know of his intentions with his daughter, of course they were the best possible were loving and thought to come together in marriage.

The marriage would be short-term demands of parents Yolanda.

Time was running and bakery selling little Marcio was worried about what he earned could not take a life of comfort as the bride deserved, but his father said calme son all that is mine is yours, I have some economies of good times and you I will give all of them, the young man felt he could not get the economies of parents do not do the following father said then, let me take care of the bakery my way and I'll give you a share of the profit. Manoel accepted. Yolanda started to help the groom and quickly gave a new face to bakery now made snacks, served many varieties of sweets, cakes, breads and some special snacks, in addition to serving feijoada on weekends and broth Wednesday, it was giving a good profit bakery, and everyone was enjoying it. Previously only sold cakes and breads, now sold many sweet and savory varieties. After a year of the new administration they had achieved good money that has to furnish the house where they would live and still gave good money to their parents. The marriage was performed successfully and the newlyweds were very happy, his parents were proud of the son who never left and found the ideal woman sent by God. Marcio and Yolanda worked together and still respecting Marta and Manoel as always.


Luzia Couto text. Copyright reserved to the author. The copying, collage, reproduction or disclosure of any kind whatsoever, the whole or part without the prior and express authorization of the author. Rights are guaranteed in the Brazilian and international laws of intellectual property protection and disrespect will be subject to the application of appropriate penalties.

Mais Vistas do Mês

A menina que gostava da chuva.

Um dia frio e chuvoso como Línea gostava ela ficava da janela olhando a rua onde pessoas passavam apressadas por causa da chuva e os carros passavam molhando tudo que estivesse ao lado, as crianças que brincavam na rua correndo nas poças de água gritavam e jogavam água uns nos outros isto para Línea era o máximo como ela sentia vontade de sair e fazer o mesmo, mas não podia estava presa a uma cadeira de rodas. Sua mãe Micaela sofria ao ver sua princesinha tão bela e jovem presa a uma cadeira sem poder andar mas sentia conformada pois sabia que se Deus lhe deu uma filha assim ela merecia e ainda mais porque sua filha era bela inteligente e tinha saúde apenas não podia andar, mas ela era feliz o que parecia. O Pai José não aceitava muito bem achava que era praga de uma cigana que conheceu na adolescência e havia lhe rogado uma praga, ele havia xingado a cigana que proferiu algumas palavras e ele entendeu como praga. Mas sua esposa não pensava assim sabia que Deus não castigaria uma cria…

Poema | Ciclo da Vida.

Diante da vida coloco minhas expectativas de dias melhores e horas mais felizes e alegres, coloco minha esperança e minha angustia em saber que talvez esse dia nunca chegue. Coloco as tristezas e solidão, diante da vida dispo-me das mentiras que ocultamente atravessa os corações.
Diante da vida coloco a gratidão por todo bem recebido e acolhido de bom grado, coloco também a morte inesperada, mas sabida de todo vivente. Coloco também a verdade da vida sofrida que muitos vivem sem que outros saibam e possam estender-lhes as mãos.
Diante da morte não tem remédios todo ser vivente tomba independente do credo ou raça, morte é vida mesmo que pareça absurdo imaginar assim. Morrer para uns é vida para outros, talvez o sofrimento que faz corroer a carne não lhe vá corroer a alma assim o corpo morre, mas a alma vive eternamente.

Diante da morte e da vida não temos escolhas, nascemos, vivemos e depois morremos. Ao nascermos é alegria e festa, ao morrermos lágrimas e lamentos. Assim o ciclo inic…

Conto | Júlia a menina de rua.

Júlia é uma menina linda e perdida nas ruas, ela vive nas ruas desde seus quatro anos, sua mãe Jamyli a levava para escola quando foi assaltada e assassinada perto de Júlia. Desde esse dia a menina se perdeu nas ruas e nunca mais voltou para casa onde vivia sua avó que tinha mais de 70 anos. A avó procurou pela menina por muito tempo sem noticias. Enquanto isto Júlia vivia dormindo nas calçadas, longe de seu bairro, durante o dia comia restos de lixo e as vezes, ganhava um pedaço de pão de alguém que lhe oferecia. A noite chegava e Júlia se agarrava a seu ursinho de pelúcia e fazia sua pasta de cadernos de travesseiro. Na manhã seguinte ela caminhava sem rumo e acabava cada vez mais longe de sua avó. Numa destas manhãs ela encontrou outra criança um pouco mais velha que ela, Rita tinha 10 anos e ela tinha seis, fazia dois anos estava perdida nas ruas e seus sapatos havia estragado, ela andava descalça e seu vestido estava todo rasgado. Rita sempre procurava um local mais escondido, on…